Já estamos no mês de junho, ou seja, é hora de tirar a roupa xadrez do armário, vestir um chapéu, preparar o bigode, a trança no cabelo e aproveitar as festas juninas! As festas caipiras são tradicionais em várias regiões do Brasil e são marcadas por alguns elementos como fogueira, bandeirinhas coloridas, balões (atualmente são proibidos em alguns lugares do país), barracas com comidas e bebidas típicas e danças, principalmente a famosa quadrilha. Para quem não sabe, a Festa Junina se originou das festas de Santo Antonio, São João, São Pedro e São Paulo que eram bem populares em Portugal. As festas são tradicionalmente realizadas em junho para comemorar os dias dos santos citados anteriormente, mas há lugares que organizam a festa em julho também. Já que as festas caipiras são sinônimo de muita comida boa e comer é paixão universal, vamos conhecer quais são algumas das comidas típicas de Festa Junina? E de bônus, ainda tem a receita para você se deliciar por aí! 

    1. Bolo de MilhoComidas Típicas de Festa Junina bolo de milho
      Como em junho é a colheita do milho, na Festa Junina encontramos vários pratos usando esse alimento como cural, cuzcuz, milho cozido e também o bolo de milho. De acordo com a receita, o preparo dessa receita demora aproximadamente 40 minutos e rendem doze pedaços. A dica para o resultado final ser ainda mais saboroso é usar milho cozido e evitar o de conserva.
      Ingredientes:
      – 3 ovos;
      – 1 xícara de açúcar;
      – 1 lata de milho verde em conserva OU 2 espigas de milho debulhadas e cozidas;
      – 1 colher de sopa de fermento;
      – 2 colheres de sopa de margarina;
      – 1 xícara de fubá;
      – 1 xícara de parmesão ralado.
      Modo de fazer: Coloque os ovos no liquidificador, em seguida, o milho, o parmesão e o açúcar. Bata mais um pouco, adicione a margarina um pouco derretida e o fubá. Ligue o liquidificador novamente, por último, acrescente o fermento. Misture até a massa ficar homogênea. Unte uma assadeira com farinha e margarina. Leve ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 40 minutos ou até espetar o palito e ele sair limpo.
      (Fonte)
    2. Vinho QuenteComidas Típicas de Festa Junina vinho quenteO vinho quente e o quentão marcam presença forte nas Festas Juninas, pois além de serem parte da tradição, são bebidas com a intenção de esquentar os participantes, já que em junho é sempre frio. Não há uma medida certa ou errada de cada ingrediente, vai depender do gosto das pessoas daquela região. Há aqueles que gostam de adicionar cravo ou canela, outros que preferem cascas de laranja ou limão. Aqui onde moro, o mais comum é ter pedaços de maçã! A bebida é tão quente que eu nem consigo beber!  haha O preparo para dez porções leva cerca de 20 minutos, segundo a receita do Tudo Gostoso.
      Ingredientes:
      – 1 copo de açúcar;
      – Canela em rama;
      – Cravo;
      – 1 litro de vinho tinto seco;
      – 1/2 litro de água;
      – 1/2 maçã (verde ou vermelha) descascada e cortada em fatias.
      Modo de fazer: queime a metade do açúcar com o cravo e a canela e acrescente o vinho, já misturado com a água. Junte a maçã e o açúcar restante e deixe cozinhar um pouco. Sirva bem quente!
      (Fonte)
    3. Doces de Abóbora, Leite e CocadaComidas Típicas de Festa Junina docesAlguns dos doces caseiros feitos especialmente para as Festas Juninas são o doce de abóbora, cocada, doce de leite, canjica, arroz doce, pé de moleque, amendoim etc. Eles podem ser servidos em copinhos com colheres ou em pedaços, depende do seu gosto e da textura do doce! O doce de abóbora, por exemplo, pode ser tanto duro quanto mais cremoso. Para conferir a receita do doce de abóbora em formato de coração clique aqui, aprenda a fazer a cocada aqui e o doce de leite duro aqui.
    4.  PamonhaComidas Típicas de Festa Junina pamonhaA pamonha é outra comida típica da Festa Junina e pode ser ingerida tanto quente como fria. É um prato um pouco mais demorado pra fazer, mas com certeza muito saboroso. Embalar o doce na palha do milho deixa a sobremesa ainda mais tradicional e conserva a temperatura por mais tempo também. Eu adoro pamonha, prefiro ela quente, mas não recuso uma fria! hahaha Você pode ver os ingredientes e as instruções clicando aqui, além de ter um vídeo que Rodrigo Hilbert explica como fazer. A mesma dica de evitar o milho em conserva vale aqui!
    5. Bolinho de Frangoreceita bolinho de frango itapetiningaUma exclusividade que encontramos aqui na minha cidade e região é o bolinho de frango. O diferencial é que esse bolinho tem sempre por aqui, não só em Festa Junina. É como se fosse um croquete, mas feito com farinha de milho, ovo, frango e um tempero especial. Esse bolinho foi criado aqui na minha cidade há mais de 100 anos e garante o sustento de muitas famílias.
      Ingredientes:
      – 1 kg de farinha de milho;
      – 5 colheres de polvilho azedo;
      – Caldo do cozimento do frango;
      – Bastante cheiro verde picado;
      – 2 peitos de frango (cozido com temperos e caldo de galinha).
      Modo de fazer:
      – Com as mãos, junte em uma bacia a farinha moída, cheiro verde e pouca água. Acrescentar o caldo de frango fervente (já temperado, sem a carne) e misturar vigorosamente até obter uma massa homogênea e macia;
      – Deixar descansar por quatro horas e acrescentar o polvilho dissolvido em um copo de água, voltando a amassar para formar bolinhos. Rechear com o frango desfiado;
      – Fritar em óleo bem quente, sem mexer, até dourar.
      (Fonte)

E aí galera, ficaram com água na boca?  hahaha Gosto bastante de ir em Festa Junina e comer esses pratos típicos, me delicio! Independente da religião, acho uma comemoração importante para reunir as pessoas e apresentar essa cultura para as crianças, que sempre se divertem vestidas de caipirinhas. Aqui na minha cidade é uma tradição tão frequente, que tem várias festas ao mesmo tempo, tanto em escolas como em quermesses religiosas. Me contem nos comentários se vocês gostam das comidas apresentas no post e qual é a sua favorita! Beijo! 

Compartilhar: